Archive | setembro, 2012

Mensalão para a garotada

29 set

Olá, galerinha!

Você já deve ter  ouviu falar sobre mensalão, né?

Recentemente, o Ministério Público Federal (MPF) lançou um material didático específico para a turminha teen antenada na política, falando sobre o mensalão, um dos maiores escândalos de corrupção do Brasil.

O Turminha do MPF é um projeto educacional da Procuradoria, que oferece a professores e estudantes conteúdos relevantes para uso em sala de aula, com infográficos e uma linguagem bem simples. Ajuda a entender como funcionou o esquema.

Ficou curioso? Saiba mais aqui.

Mensalão - Entenda como funciona o esquema

Por Nayara Gonçalves

Assembléia, mas como funciona isso?

29 set

Olá galera!

Todos já devem ter ouvido falar na palavra: assembleia. Quando se pergunta para que serve a assembleia, muitos devem dizer: é alguma coisa a ver com política, ou ainda dizem, é onde ficam os deputados não?

Assembléia em funcionamento

Bom, acho que precisamos explicar um pouco sobre o que é a assembleia e como ela funciona. Assembleia é sim, algo político, e também é o lugar onde os deputados ficam. Mas ela é muito importante para a nossa vida. Quer saber por quê?

No país, o órgão de representação do Poder Legislativo dos estados é a assembleia, que é onde ficam os deputados estaduais.

O número de deputados estaduais varia de acordo com o número de habitantes para do estado. O limite máximo para cada estado é de 70 e o mínimo é de 8 deputados.

A função desta assembleia é:

  •  dar posse ao governador e vice-governador, bem como julgar as contas e crimes de responsabilidade do executivo estadual;
  • solicitar intervenção federal para garantir o cumprimento das constituições (federal e estadual);
  • votar projetos de lei vindos do governador e de qualquer deputado,
  • nomear e demitir seus funcionários.

Vale à pena lembrar que o nosso parlamento é o mais caro de todo o mundo.

A assembléia legislativa federal é composta por 513 membros, que recebem um salário mensal de aproximadamente R$ 16.000,00.

Veja os salários deste pessoal:

Senador:
– Salário médio: R$ 16.000.00.
– Auxílio moradia: R$ 3.800 mil, 25 litros de combustível /dia, carro oficial.
– Verba Indenizatória despesas de gabinete – lápis, papel, funcionários: R$ 15.000.

Deputado Federal:
– Salário médio: R$ 16.000.
– Auxílio moradia: R$ 3.000, 25 litros de combustível /dia, carro oficial.
– Verba Indenizatória despesas de gabinete – lápis, papel, funcionários: R$ 15.000.
– Passagens aéreas: R$ 4,7 e R$ 18,7 mil.
– Líder de Bancada e Vice Líder, Presidente ou Vice Presidente receberão comissão permanente de R$ 5.510.

Deputado Estadual:
– Salário médio: R$ 12.000.
– Auxílio moradia: R$ 2.500.
– Jetons por sessão extra: R$ 619,20.
– Verba Indenizatória despesas de gabinete – lápis, papel, funcionários: R$ 20.000.
– Cota postagem telefonia: R$ 5.000.
– Passagem por ano: R$ 7.000.

É muito dinheiro, não acham?

Por Daiana Machado

Dúvidas? Smile responde! Voto em branco X voto nulo.

28 set

Smile responde: Qual a consequencia do voto em branco e do nulo?

Quizdica de leitura: O Dono da Bola

27 set

Boa tarde, nave Quiziana!

Essa vai para a galerinha que pretende alçar novos voos com objetivo de atingir outros espaços. Para aqueles que acreditam que a leitura é capaz de criar e recriar um novo mundo, um novo olhar, uma nova forma de compreender o universo.

Mais uma do QUIZDICA de leitura:

“O Dono da Bola: Política Para Crianças e Jovens” é uma obra de Manuel Filho com ilustrações de Fábio Sgroi.

O livro conta a história de Carlinhos um menino que não tinha limites, não obedecia ninguém e fazia o que bem entendia, mas depois de uma megabronca ele acaba descobrindo um mundo diferente, e que a política não é somente para adultos e que respeitar regras, conhecer deveres e direitos também pode ser muito legal. Ele descobre como a política funciona, os conceitos e que ela também está presente na escola, na família e em muitos lugares. Numa linguagem descontraída o livro traz a política num contexto divertido e descomplicado.

É isso aí, dá para aprender política se divertindo, leia e seja o Dono da Bola!

Livro: O Dono da Bola - Politica para criancas e jovens, de Manuel Filho

Por Vânia Paris

Os três poderes da política

27 set

Olá, galerinha antenada.

Hoje, nós aqui do Quiz acordamos inspirados e vamos bater um papo com vocês sobre os três poderes da política e seus representantes.
Calma, muita calma nesta hora. Aposto que fizeram aquela carinha de “lá vem mais um assunto penoso, longo, chato”.

Nada disso, vamos explicar de uma forma bem tranquila e fácil, você vai gostar.

Vem comigo!

Como mencionei acima, existem três poderes na política:

1- O poder Executivo – representado pelo presidente da república, governadores de Estado e prefeitos.

2- O poder Legislativo – composto por vereadores, senadores e deputados estaduais e federais.

3 – E o terceiro poder , o Judiciário –  que é exercido pelos juízes e ministros dos tribunais superiores.

Viu como foi fácil? Agora vamos entender as atribuições de cada um:

Poder Executivo – É de responsabilidade do Poder Executivo aplicar, implementar ou executar as leis. Por isso, fica a cargo do Executivo órgãos como a polícia, prisões para punir criminosos. Manter as relações do país com as outras nações, manter as forças armadas, administrar órgãos públicos de serviços à população, como bancos.

Poder Legislativo – É o Poder encarregado de legislar e criar leis. Entre as funções do Poder Legislativo estão as de fiscalizar o Poder Executivo, votar em leis orçamentárias e, em situações específicas, julgar determinadas pessoas, como o Presidente da república ou os próprios membros do legislativo.

Poder Judiciário – É o poder que tem a capacidade de julgar, de acordo com as leis criadas pelo Poder Legislativo e de acordo com as regras constitucionais em determinado país. Ministros, desembargadores e Juízes formam a classe dos magistrados. Eles julgam.

Bem, acho que por ora, é isso! Até mais.

Por Daiana Machado

Dúvidas? Smile responde! Projeto de lei.

27 set

Imposto, e eu com isso?

25 set

Entenda para que serve o imposto e como o cidadão pode fazer valer seu dinheiro investido

Olá galerinha, hoje nós vamos falar sobre o imposto e a nossa relação com essa modalidade de tributo.

Nós brasileiros crescemos ouvindo falar sobre o tal imposto, que historicamente leva uma parcela do nosso suado dinheirinho. Você deve estar pensando: “sim, este é um problema que enfrentarei quando crescer, ou puxa, coitados dos meus pais”. Mas lamento informá-lo: o problema é todinho seu.  Sabe aquela mesada que você ganha todo mês? E aquela parte da mesada que você está guardando para comprar aquela bike irada, ou aquele notebook que acabou de chegar na loja? Pois bem, boa parte do preço que você pagará nele vai parar direto nos cofres do governo.

Você deve estar se perguntando…mas isto é justo? Somos obrigados a pagar isso? O que o governo faz com nosso dinheiro?
A resposta é sim, o imposto é um tributo que é cobrado de forma de forma coercitiva. Coerção significa que as pessoas não têm o direito de escolha: ou pagam ou sofrem as consequências: multas, sanções legais e administrativas. Em alguns países, o não pagamento dos impostos é uma coisa tão séria que pode resultar até mesmo na prisão do indivíduo.

Agora, o que o governo faz com esta parte da nossa riqueza? Deveria ser investido em educação, saneamento, saúde, manutenção das estradas e rodovias (ouvimos muito sobre isto em época de eleição). Mas na prática, sabemos que muitas irregularidades têm escandalizado a política brasileira.

Como cidadãos é nossa obrigação fiscalizar e ter uma participação mais ativa neste cenário político. Infelizmente, o brasileiro tem feito esse papel somente nas urnas, e por vezes, elegendo apenas o candidato ou que compra o seu voto, ou que tem uma propaganda mais persuasiva. É hora de mudar essa realidade. E isso tem que começar pela juventude, que consciente, tem que começar a cobrar seus direitos. Queremos menos impostos e mais dos impostos.

Aqui você confere a porcentagem de impostos em uma série de produtos. Brinque no game Jogo da formiga e veja quando custa o Brasil.

Porcentagem de impostos no Jogo da formiga

Abaixo você confere um vídeo que vai ajudá-lo a conhecer um pouco de onde surgiu essa história de pagamento de tributo.

Por Carine Bergmann